A AdRMM é uma organização multifacetada, capaz de ser perspetivada de vários prismas diferentes. A organização da marca está dividida em:

Aquilo em que acreditamos

Missão | AdRMM: Águas da Região Metropolitana de Maputo, SA

Missão

Contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população da área servida através do abastecimento de água potável de forma sustentável.

Valores | AdRMM: Águas da Região Metropolitana de Maputo, SA

Valores

Confiança
Empatia
Resiliência
Colaboração
Ambição
Proactividade

Visão | AdRMM: Águas da Região Metropolitana de Maputo, SA

Visão

Assegurar a liderança nacional na qualidade do serviço aos cidadãos, promovendo inovação, sustentabilidade, uma nova geração de talento e relações de confiança.

Propósito | AdRMM: Águas da Região Metropolitana de Maputo, SA

Propósito

Tornar a água na principal fonte de desenvolvimento de Moçambique.

Os rostos
da AdRMM

Mensagem do PCA | AdRMM: Águas da Região Metropolitana de Maputo, SA

Mensagem do PCA

Castigo Álvaro Cossa
Presidente do Conselho de Administração
Águas da Região Metropolitana de Maputo

A Águas da Região Metropolitana de Maputo (AdRMM), constituída há pouco mais de dois anos, representa o esforço político, económico e social de dar resposta à modernização da gestão de água na região metropolitana, com um papel determinante ao longo de mais de duas décadas, de assegurar um fornecimento fiável e sustentável de água de qualidade às cidades de Maputo, Matola e Vila de Boane. Tenho o privilégio de testemunhar diariamente a entrega incansável dos nossos colaboradores, que se empenham em garantir que cada gota de água chegue a todos os habitantes da região.
É com um sentimento de orgulho indescritível que presido a uma administração audaz, verdadeiramente empenhada na transformação e melhoria contínuas. Esta resiliência é expressa diariamente por uma equipa de mulheres e homens dedicados, que representam e honram o espírito empreendedor e concretizador moçambicano. É esta equipa extraordinária, cuja paixão e compromisso são inigualáveis, que está na linha da frente do nosso esforço para fornecer um serviço de água de excelência ao povo moçambicano.
Juntos, contribuímos para o desenvolvimento sustentável de Moçambique, enfrentando os desafios com coragem e determinação. Este orgulho e determinação reforçam a nossa vontade de continuar a servir a nossa comunidade com a máxima eficácia, para a tornar mais resiliente e próspera.
Na AdRMM, somos mais do que apenas uma empresa de fornecimento de água – somos um reflexo da dedicação, esforço e espírito moçambicano, que nos impulsiona a desenhar um futuro melhor para todos nós.
Durante estes anos, a AdRMM tem-se mantido fiel às suas obrigações e responsabilidades sociais para com o Estado, os Accionistas, os Clientes, os Colaboradores, os Fornecedores e as Comunidades. Juntos, esforçamo-nos para que a água seja o principal motor de desenvolvimento em Moçambique.
Com um olhar sempre direccionado para o futuro, a nossa visão é consolidar a liderança nacional na qualidade do serviço prestado aos cidadãos, impulsionando a inovação, a sustentabilidade, a formação de uma nova geração de talentos e a construção de relações de confiança. Reafirmamos o nosso compromisso em manter os padrões de qualidade que têm sido reconhecidos externamente, fruto do trabalho rigoroso e pragmático da equipa da AdRMM, uma equipa à qual tenho o orgulho de pertencer.
Inspirados e resilientes, permaneceremos empenhados em aperfeiçoar a nossa organização em prol da nossa comunidade. AdRMM, somos as águas que desenham o futuro de Moçambique.

A nossa História

1895

24 de Agosto:
Assinatura do primeiro contracto entre a então Câmara Municipal de Lourenço Marques e o Eng.º Civil, Eugêne F. Tissot (francês), concedendo-o os direitos de exploração e abastecimento de água à cidade, por um período de 50 anos.

1900

9 de Maio:
Tissot cedeu os seus direitos relativos à concessão ao John Crosby Ditken Henderson (inglês), que também abasteceu à cidade usando os mesmos sistemas que o Tissot.

1903

13 de Maio:
A mesma concessão foi vendida à The Delagoa Bay Development Corporation, Limited e, entre 1904 a 1906, esta companhia instalou os primeiros equipamentos e iniciou a elevação de água no Rio Umbeluzi para abastecer a então cidade de Lourenço Marques. A companhia explorou estes serviços até 1945.

1947

27 de Outubro:
Os serviços de abastecimento de água e fornecimento de electricidade à então cidade de Lourenço Marques foram entregue definitivamente à Câmara Municipal e criados os Serviços Municipalizados de Água e Electricidade (SMAE).

1977

27 de Agosto:
Através do Decreto-Lei nº 38/77, de 27 de Agosto, foi criada a Empresa Nacional de Electricidade, E. E., que acumulou a gestão dos serviços de abastecimento de água e fornecimento de electricidade à Cidade de Maputo.

1982

Em Junho de 1982, o serviço de abastecimento de água foi desmembrado da Empresa Nacional de Electricidade E.E. e através do Diploma Ministerial n.º 32/82 de 23 de Junho, foi criada a Empresa Água de Maputo E.E.

1998

Implementação da Reforma do Quadro de Gestão Delegada do Abastecimento de Agua Urbanas e criou-se O FIPAG (Fundo de Investimento e Património de Abastecimento de Àgua) e CRAA (Conselho de Regulação do Abastecimento de Água) através do Decreto nº 72/98, de 23 de Dezembro.

1999

27 de Setembro:
O FIPAG assinou o Contrato de Cessão de Exploração de Água com o Consórcio Águas de Moçambique, SARL, formada pela AdP (empresa portuguesa), SAUR Internacional (empresa francesa) e MAZI (grupo de moçambicanos).

2001

Em Dezembro de 2001, a SAUR Internacional retirou-se da Sociedade e a AdP de Portugal compra as ações e ficou acionista maioritário da Sociedade;

2002

A empresa Águas de Moçambique continuou a garantir o abastecimento de água na região do Grande Maputo, tendo a AdP como acionista maioritário até Dezembro 2010, quando vendeu as suas acções ao Governo moçambicano, representado pelo (FIPAG).

2011

Em Janeiro de 2011, a empresa Águas de Moçambique passou a designar se Águas da Região de Maputo, SA tendo como acionistas o FIPAG e MAZI, alterando também o seu e o respectivo logótipo.

2019

28 de Novembro:
Inauguração da ETA Compacta em Corumana pelo Presidente da República Filipe Jacinto Nyusi, para o reforço do abastecimento de água na Região do Grande Maputo.

2021

Em Junho de 2021, o Governo de Moçambique autorizou a criação da Sociedade Comercial Águas da Região Metropolitana de Maputo, SA através do Decreto nº 33/2021, de 04 de Junho, cujo capital social é 100% detido pelo FIPAG.

2021

17 de Junho:
Concluída a primeira fase da expansão do sistema de abastecimento de água à Região Metropolitana de Maputo, com a entrada em funcionamento dos Centros de Distribuição de Matlhemele e Guava.

2021

31 de Agosto:
Constituição da sociedade Águas da Região Metropolitana de Maputo, SA e os seus estatutos publicados no Boletim da República III Série Número 185 de 24 de Setembro de 2021.

Certificados:

 | AdRMM: Águas da Região Metropolitana de Maputo, SA
 | AdRMM: Águas da Região Metropolitana de Maputo, SA
Abrir ChatBot
AdRMM ChatBot
Olá 👋
Em que o podemos ajudar?